Acupunctura

Acupunctura

A Acupunctura é uma prática terapêutica milenar, originária da China, que perde nos tempos a sua idade.
Chega ao Ocidente no século XVII, trazida por Missionários Jesuítas que lhe conferiram o nome: Acupunctura (das palavras latinas: Acus - agulha e Punctura - picada).

Concretamente, a Acupunctura é uma técnica cuja finalidade principal é a criação de estímulos terapêuticos que actuam sobre o sistema de regulação do organismo. Introduzem-se agulhas muito finas (ou aplicam-se MOXAS - moxabustão) em pontos definidos, seleccionados após prévio diagnostico e que se encontram ligados entre si por uma rede de trajectos - MERIDIANOS - relacionados e correspondentes, em nomes e funções, aos órgãos (ZANG) e às vísceras (FU). Nesta rede de Meridianos circulam os fluxos energéticos QI (leia-se TCH'I), de natureza YIN ou YANG, que devem manter um equilíbrio harmonioso.

Se assim não é, surge a doença. A Acupunctura tem como objectivo neutralizar esses desvios, regulando e restabelecendo a harmonia da fisiologia energética do organismo, corrigindo os seus excessos e deficiências.

A validade da Acupunctura não está mais em discussão. Sobreviveu a todos os ataques, à destruição, aos impedimentos, aos detractores. Praticada em muitos países do Mundo e ensinada actualmente em muitas Faculdades de Medicina, está já integrada nos Sistemas de saúde de vários países.

Corpo Clínico

Dr. Vitor Palhão

Médico

Licenciatura em Medicina e Cirurgia pela Universidade do Porto;