TIRE AS SUAS DÚVIDAS, ESTAMOS ONLINE!

Facebook Messenger

REABILITAÇÃO ESTÉTICA

A perda de dentes pode ter causas variadas entre elas: a cárie, traumatismos e as doenças das gengivas, sendo esta última a principal causa. Geralmente, o paciente procura tratamento quando a estética está comprometida, entretanto, a ausência de um dente vai além dessa questão, pois representa comprometimento da integridade do sistema mastigatório.

IMPLANTOLOGIA

A implantologia permite a reabilitação oral em pacientes que não têm um ou mais dentes, possibilitando a substituição de uma forma fixa (Prótese Fixa aparafusada ou cimentada sobre o implante).

PRÓTESE

A perda de dentes pode ter causas variadas entre elas: a cárie, traumatismos e as doenças das gengivas, sendo esta última a principal causa. Geralmente, o paciente procura tratamento quando a estética está comprometida, entretanto, a ausência de um dente vai além dessa questão, pois representa comprometimento da integridade do sistema mastigatório.

ORTODONTIA

A Ortodontia é a especialidade da Medicina Dentária relacionada com o estudo, prevenção e tratamento dos problemas de crescimento e desenvolvimento da face, dos arcos dentários e da mordida, ou seja, das disfunções dento-faciais.

PERIODONTOLOGIA

As doenças periodontais ou das gengivas são uma das principais causas de perda de dentes nos adultos. As visitas regulares ao dentista são essenciais para manter a saúde das gengivas e para um diagnóstico e tratamento atempados quando necessário. A fase inicial das doenças de gengivas chama-se gengivite. As fases mais avançadas das doenças periodontais são problemas mais sérios com sintomas como: mau sabor persistente, dentes permanentes que estão móveis ou a separarem-se, alterações na forma como os seus dentes encaixam quando trinca.

ENDODONTIA

Conhecida também por desvitalizacão, a Endodontia é a especialidade que actua nos problemas relacionados com a polpa dentária (também conhecida por nervo) e áreas peri-radiculares. Este tratamento tem como objectivo a remoção e desinfecção do espaço ocupado pela polpa dentária e seu preenchimento com material asséptico.

O NOSSO BLOG

odontopediatria

Saúde Oral para crianças!

Ensinar às suas crianças os cuidados de higiene oral corretos o mais cedo possível é um investimento para a saúde dos mais novos e com resultados visíveis no futuro. Se começarmos por dar o exemplo, transmitir às crianças a valorização essencial da higiene oral, estaremos a tornar o simples ato de escovagem numa brincadeira saudável!

A escolha da própria escova de dentes, a forma como os incentivamos para escovar os dentes poderá ter impacto na saúde oral do futuro.

Ler Mais
reportagem-1024

Ano novo, sorriso melhorado!

E você, sabe quanto tempo deve dedicar à sua higiene oral em 2016?

Uma escovagem eficaz demora pelo menos 2 minutos, sim é verdade, 120 segundos!

A maioria dos adultos, adultera o tempo de escovagem e não chega a alcançar o tempo necessário, pois em muitos dos casos, a rotina atarefada não o permite. Para escovar corretamente os seus dentes, devem ser utilizados movimentos curtos e suaves, prestando particular atenção à linha das gengivas, aos dentes de trás com pior acesso e às áreas em torno dos restauros e das coroas.

É importante concentrar-se numa escovagem cuidadosa, dedique parte do seu tempo a desenvolver uma higiene oral saudável, os seus dentes e gengivas agradecem.

Bom ano!

Dentes brancos deixam as pessoas mais atraentes

Branco mais branco só há aqui!

O sorriso é o melhor adereço que podemos ter e, por isso, a sua saúde oral continua nas bocas do mundo.

Apesar da coloração natural dos dentes divergir de pessoa para pessoa, existem fatores externos que representam consequências para a dentição. Tabaco, café, vinho, alimentos pigmentados ou bebidas gaseificadas contribuem, em larga escala, para a coloração dos dentes.

Ler Mais